Quem possui um empreendimento odontológico, tem consciência de que manter essa clínica não é algo fácil de se fazer todos os dias, pois é preciso cumprir exigências relacionadas à área e realizar atividades que gerem resultados positivos.

Na maioria das vezes, quando o profissional escolhe abrir uma clínica, conta com ajuda para a elaboração da decoração do ambiente, sendo profissionais da arquitetura que criam uma identidade visual no local.

Para a clínica gerar esses resultados positivos, um fator importante e diferencial que muitas vezes é deixado de lado é justamente a sinalização dessa clínica. Essa sinalização precisa estar dentro de um padrão estabelecido por órgãos de fiscalização, como o Corpo de Bombeiros da cidade.

A sinalização para clínicas e sua importância

Quando falamos de sinalização, é impossível não fazer a associação a placas informativas. Mas a sinalização para clínicas não é só isso, tudo precisa estar adequado àquele ambiente e contribuir para o fluxo de pacientes e profissionais daquela área.

Essa sinalização precisa estar adequada para que os locais sejam devidamente encontrados, facilitando a localização de cada setor do estabelecimento, que também é importante, pois auxilia no encontro das saídas para situações de emergência, como, por exemplo, um incêndio.

O profissional de designer de sinalização possui especialização para esse tipo de projeto. Ele é capacitado, e é a melhor opção para a definição das sinalizações nas clínicas da área da saúde, como as odontológicas. Esse profissional vai orientar o proprietário do empreendimento a fazer uma sinalização que transmita segurança para o cliente e, assim, ele se sentirá confortável durante sua circulação, proporcionando bem-estar tanto aos clientes quanto aos profissionais que atuam naquele estabelecimento.

Tipos de sinalização indicados:

 

  1. Orientação

O objetivo desse modelo de placa é ajudar os pacientes e profissionais a efetuarem de maneira correta o percurso dentro da clínica. Elas podem ser do modelo direcional, que irá orientar sobre os fluxos possíveis, ou estar disposta em quadros gerais, que podem ser posicionados em murais e elevadores, contendo os serviços que cada andar dispõe.

  1. Identificação

Essas placas precisam mostrar às pessoas informações que as façam localizar setores e salas existentes na clínica. Serão as placas de identificação externa que irão conter o nome das salas comuns e as de serviço, como as que identificam banheiros e refeitórios, dentre outros.

  1. Placas de proteção

Esse modelo de placa tem como finalidade garantir a segurança dos pacientes. Elas precisam apontar saídas de emergência, e também é importante utilizá-las para orientar sobre áreas restritas somente aos profissionais, além de alas com pacientes que possuem doenças contagiosas, dentre outras informações, evitando, assim, a entrada por falta de informação em locais inapropriados.

Os gestores da área de saúde precisam estar atentos à importância da sinalização dentro das clínicas, pois isso é algo imprescindível. Nas clínicas odontológicas isso não é diferente.  A legislação municipal é que irá determinar o tipo adequado de sinalização desse segmento. A realização de uma sinalização correta gera uma imagem positiva perante os clientes, alcançando, assim, mais pacientes para o seu empreendimento.

Equipe sua clínica com qualidade!

É importante sempre se preocupar em como os clientes vão enxergar sua clínica e qual imagem eles terão dela. Por isso, é essencial utilizar uma sinalização adequada, contribuindo para um visual atraente, que proporciona conforto para quem se encontra no estabelecimento.

A i9 Equipamentos é uma empresa especializada em equipamentos e aparelhagem necessária para a área odontológica, como o Briotron. Além disso, ela busca compartilhar conteúdos sobre o dia a dia dentro de um consultório, e assim ajudar em dúvidas que possam surgir. Acesse o site e fique por dentro dessas informações.